31/05/2022 às 20h48min - Atualizada em 31/05/2022 às 20h48min

Projeto prevê expansão de 30% do perímetro urbano luverdense

Audiência pública foi uma etapa para a ocupação da área, que também passou por estudos da equipe de planejamento

Assessoria

A Prefeitura de Lucas do Rio Verde, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Planejamento e Cidade, realizou nesta segunda-feira (30), no auditório da Câmara Municipal, a audiência pública sobre a expansão do perímetro urbano.

A apresentação foi feita pelo secretário-adjunto da pasta, Danilo Messias, e contou com a presença da população, servidores municipais e de representantes do setor imobiliário. O zoneamento e desenvolvimento do município, que será expandido em 30% com a chegada de novas empresas, indústrias e a tão esperada ferrovia, foram discutidos entre os presentes.

Para o representante imobiliário André Ferrarini, Lucas do Rio Verde é um município diferenciado e que deve estar preparado para o que está sendo projetado.

“O que vimos nessa audiência foi uma feliz atitude do poder público de expandir o perímetro urbano, permitindo que novos investidores venham fazer parte do crescimento da cidade e abrindo espaço para que a população tenha a oportunidade de adquirir a sua casa dentro do município”, destacou André.

Atualmente, cerca de 70% do perímetro urbano da cidade estão ocupados. O projeto de expansão considera o desenvolvimento de Lucas do Rio Verde com a chegada da ferrovia, instalação de novas empresas e o aumento populacional, com a chegada dos trabalhadores dessas empresas.

A presença da população na audiência foi um ponto marcante do encontro. Para o presidente da Câmara Municipal, vereador Daltro Figur, o Plano Diretor é um estudo que toda a comunidade deve estar ciente.

“Estamos tratando de uma renovação do Plano Diretor e temos que ter responsabilidade nos nossos atos, pois não estamos legislando para nós e sim para o crescimento do município. Temos que ter essa visão para em breve atingirmos a marca de 200, 300 mil habitantes”, relatou Daltro.

Para o Secretário de Desenvolvimento Econômico, Planejamento e Cidade, Welligton Souto, o objetivo maior da audiência é dar ainda mais visibilidade ao processo de expansão para os moradores e as pessoas que chegam na cidade, buscando emprego, educação, saúde de qualidade e moradia.

“Entendemos que o poder público não pode ser um entrave e sim um facilitador para que a sociedade possa se organizar melhor. Temos mais de 1.000 hectares que ainda estão fora da sede da cidade e precisamos dar mais oportunidades para que as pessoas consigam adquirir seus lotes, suas casas e fazer seu empreendimento”, pontuou o secretário.

De acordo com o projeto, a expansão urbana será na região sul, a partir da Linha 5 (Rodovia Izidoro Pivetta), até a BR-163. O próximo passo é apresentar o projeto para o Conselho Municipal da Cidade, submeter à comissão técnica de urbanismo do município e, posteriormente, formatar em um documento e encaminhar para Câmara de Vereadores para leitura e votação.

A apresentação da expansão do perímetro urbano está disponível online e pode ser conferida aqui.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://regionalnewsmt.com/.