24/08/2021 às 09h09min - Atualizada em 24/08/2021 às 09h09min

Nova diretoria do Sindicato da Polícia Penal de MT toma posse e assume gestão

Policial penal Amaury Benedito Paixão tomou posse e assumiu a gestão 2021 a 2025.

G1 MT
Nova diretoria do Sindicato da Polícia Penal de MT tomou posse e assumiu gestão 2021 a 2025 — Foto: Assessoria

O Sindicato dos Servidores Penitenciários do Estado de Mato Grosso (Sindspen/MT) tem uma nova diretoria: o policial penal Amaury Benedito Paixão tomou posse e assumiu a gestão 2021 a 2025.


O evento ocorreu na noite de domingo (15) no clube Associação dos Oficiais da Polícia e Bombeiro Militar de Mato Grosso (ASSOF-MT), em Cuiabá, e contou com representantes da categoria e autoridades que prestigiaram a solenidade.


O evento seguiu as medidas de biossegurança contra a Covid-19 e contou com um momento ecumênico.


“O trabalho da comissão não foi fácil. Em nome da comissão eleita, quero agradecer a Deus e a mesa de todos que estão presentes aqui. Sem sacrifício e trabalho duro nada se conquista. Tendo a certeza do dever cumprido, agradeço a atual diretoria”, declarou Juvêncio Frazão, membro da comissão eleitoral.


Os colegas e membros da comissão desejaram sucesso na nova trajetória da diretoria e que cada um continue o trabalho na categoria dos servidores penitenciários.


A posse contou com presenças ilustres: Fernando Ferreira de Anunciação, presidente da Federação Sindical Nacional de Servidores Penitenciários (FENASPEN), deputados estaduais João Batistas (PROS) e Delegado Claudinei (PSL) – e o vereador e policial penal Fabio Aguiar (PODEMOS), de Campo Novo do Parecis.


Emanuel Flores, presidente da Fundação Nova Chance e também esteve presente. Representantes das subsedes de Água Boa, Cáceres, Juína, Pontes e Lacerda, Rondonópolis, Sinop, Tangará da Serra e Várzea Grande foram convidados a compor a mesa e desejaram sucesso ao novo presidente.


Amaury Benedito Paixão agradeceu a presença dos colegas e familiares, além das autoridades. Ele ressaltou o trabalho de Jacira Maria da Costa, agora ex-presidente do sindicato.


Amaury lembrou que cerca de 20 servidores da categoria morreram vítimas da Covid-19 durante a pandemia e pediu orações às famílias de cada um.


“Vamos servir às pessoas com amor, assim vai ficar mais fácil. Vamos procurar nos esforçar e fazer esse trabalho para as pessoas”, declarou o novo presidente.

Todos os policiais presentes fizeram um juramento se comprometendo em ajudar no crescimento da categoria, da sociedade e da família, em nome da profissão.


O presidente Amaury ressaltou que, junto com a diretoria, tem como meta principal a luta pela valorização salarial da categoria. Segundo ele, há mais de 10 anos os servidores não têm valorização no salário.




Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://regionalnewsmt.com/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp