31/08/2021 às 08h33min - Atualizada em 31/08/2021 às 08h33min

MT registra a taxa de ocupação de UTI por pacientes com Covid-19 mais baixa deste ano pela segunda vez em 4 dias

No dia 29 de março, o número mais alto foi registrado: 214 pacientes esperavam por uma vaga.

G1 MT
Números de Covid no Brasil — Foto: Editoria de Arte/G1

A taxa de ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) por pacientes em estado grave com Covid-19 está em 45,66% nos hospitais públicos estaduais, a mais baixa de 2021, conforme dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde (SES) nesta segunda-feira (30).


Na última quinta-feira (26), o estado havia registrado o índice mais baixo, com 47,49%.


Em março deste ano, a taxa de ocupação chegou a 100% e mais de 100 pacientes em estado grave aguardavam na fila de espera por uma vaga de UTI.


No dia 29 de março, o número mais alto foi registrado: 214 pacientes esperavam por uma vaga.


Em abril, a fila de espera foi zerada, mas as taxas de ocupação continuavam altas, com média de 90% de ocupação diária.


A SES notificou, até a tarde desta segunda-feira, 519.265 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 13.463 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.


Foram notificadas 1.020 novos casos de Covid-19 e 24 mortes nas últimas 24 horas. Dos 519.265 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 6.564 estão em isolamento domiciliar e 498.158 estão recuperados.


Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (106.185), Rondonópolis (36.798), Várzea Grande (35.485), Sinop (24.793), Sorriso (17.652), Tangará da Serra (17.439), Lucas do Rio Verde (15.393), Primavera do Leste (14.389), Cáceres (11.345) e Barra do Garças (10.495).




Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://regionalnewsmt.com/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp